11 94302.9393
contato@ecovaale.com.br
Siga-nos

A reciclagem atualmente tornou-se não apenas uma alternativa para o descarte de produtos que já não servem mais. Mas, sobretudo, uma necessidade para a saúde do planeta Terra e para os seres que nela vivem. Para que possa ser habitada durante muitos longos anos.

Sabemos que a Revolução Industrial trouxe a nós muitos benefícios e malefícios. Entendemos sua importância enquanto evolução na produção de diversas mercadorias. A facilidade e comodidade que a Revolução nos trouxe pode ser vista de maneira positiva. Afinal, a melhora no padrão de vida da sociedade e o avanço da ciência são fatos positivos e que hoje não nos imaginamos sem.

Porém, também há oposições ao lado positivo. Sabemos que os produtos industriais demandam recursos naturais da Terra que tornam-se cada vez mais escassos. Além da produção intensa que libera grandes concentrações de CO². Que hoje sabemos, é bem prejudicial a camada de ozônio da Terra, trazendo consequência como o efeito estufa e o aquecimento global, que altera significativamente as temperaturas da Terra.

Além disso tudo, a maior produção de materiais resulta em mais lixo. Segundo a ONU, atualmente são produzidas mais de 2 toneladas de lixo por ano no mundo. O problema é que esse lixo afeta diretamente o meio ambiente. Contaminando solos e lençóis freáticos, além de rios, mares e demais locais em que o lixo chega. Muitos seres vivos que habitam esses locais acabam morrendo e correm riscos de extinção.

Por isso, cada vez mais a reciclagem é sinônimo de responsabilidade com a Terra, a natureza, os animais, com nós e com as gerações futuras. Neste artigos vamos entender melhor o que é a reciclagem e qual a sua grande importância devido esses fatos.

<strong>Reciclagem o que é</strong>

Reciclagem o que é

O processo de reciclagem atualmente é uma atividade comum, mesmo que não seja uma realidade tão próxima de todos, principalmente em nosso país. Mas muitas cidades no Brasil já contam com o sistema de coleta seletiva, que permite que o material reciclável seja levado a um centro específico de reciclagem.

Esse ato é um grande avanço na destinação do lixo, embora nem todos os cidadãos estão conscientes para contribuir, de maneira simples, apenas separando o lixo reciclável. Esse simples ato faz toda a diferença, para que o lixo tenha seu final

A reciclagem, diferente da reutilização, em que quando um produto perde sua utilidade original ele passa a servir para um outro propósito, na reciclagem é diferente. Consiste em um processo de modificação do material para que ele torne-se matéria-prima para outra finalidade ou até para que torne-se um produto igual ao que era, porém novo.

Neste processo de transformação o produto sofre mudanças em sua estrutura física, química ou biológica. Modifica-se completamente até voltar ao seu estado de matéria original, um plástico por exemplo, é submetido a altas temperaturas e passa por um novo processo para vir a ser um novo produto.

Existem empresas qualificadas para fazer a reciclagem, normalmente são usinas preparadas para essa atividade. No entanto, algumas empresas fabricantes contam com seu próprio setor de reciclagem. Assim seus materiais podem retornar para a indústria e serem transformados em um novo material.

Qual a importância da reciclagem

Mas, afinal, qual a verdadeira importância da reciclagem? Bem, como vimos a nossa sociedade desde a Revolução Industrial já não é mais a mesma. Essa nova forma de viver e estilo de vida demanda recursos naturais que não é possível reverter ou substituir. Em algum momento podemos não ter mais esses recursos a nossa disposição.

Imagine que um dia o planeta já não possua mais florestas, rios e petróleo, enfrentaríamos uma das maiores dificuldades da humanidade e até hoje não há perspectiva de vida sem esses recursos. Enquanto esses bens são utilizados para a fabricação de muitos materiais, como o plástico, o papel, metal, borrachas, etc. Portanto, é aí que está a importância da reciclagem.

A reciclagem permite que essas riquezas naturais não sejam retiradas cada vez que precisamos de um novo objeto. Reaproveitando o material que já está disponível e não tem mais utilidade, ou que perdeu a sua validade.

O impacto positivo da reciclagem atinge florestas, animais, redução de CO² e logo redução no aquecimento global, rios e mares com menos poluição. O petróleo que um recurso não renovável do nosso planeta, pode acabar um dia, afetando drasticamente a energia provinda deste material, além de tantos produtos fabricados a partir dele.

 

Conheça a importância da reciclagem

  • Economia energética – Para a produção de um novo produto é necessário um grande trabalho de máquinas que vão servir neste processo. Isso demanda um grande consumo de energia elétrica, logo, a reciclagem causa uma redução impactante neste gasto.
  • Diminuição da poluição do ar – A redução de emissão de gás carbônico  (CO²) é também um dos principais motivos da reciclagem. Esse fato contribui para que a camada de ozônio não seja atingida, e também que diminua os riscos do efeito estufa. Hoje em dia essa preocupação é bem séria, porque já sentimos os efeitos do aquecimento global.
  • Economia de água – Outro recurso muito utilizado para a criação de um novo produto é a água. E sabemos da sua importância e os riscos de sua falta. A reciclagem reduz consideravelmente no uso da água, gerando uma enorme economia.
  • Gera empregos – Desde a coleta seletiva, a separação de materiais e limpeza, além do próprio processo de reciclagem, novas oportunidades de emprego surgem. Inclusive, os conhecidos “catadores de lixo” muitas vezes contam apenas com a renda da coleta para sua sobrevivência. Portanto, é mais uma possibilidade de renda para as pessoas.
  • Recursos naturais – Como vimos, muitos dos produtos que consumimos e são recicláveis, partem de matéria-prima que utiliza recursos materiais, e muitas vezes não são renováveis. A reciclagem auxilia na diminuição de extração desses bens.
  • Rios, mares e nascentes menos poluídas – Muito do lixo consumido acaba chegando em nascentes de água, rios e mares. Os impactos da poluição da água são extremamente nocivos ao planeta, aos animais e ao homem. Portanto é mais um motivo para a importância da reciclagem.

Papel

O papel é material extraído da madeira, sua produção resulta na extinção de muitas florestas, claro que muitas indústrias já contam com o sistema de reflorestamento. Mesmo assim, para que uma árvore cresça e tenha utilidades para a extração de matéria-prima para o papel, demanda um tempo considerável.

Portanto, a reciclagem será útil no sentido de evitar o desmatamento. O processo da reciclagem do papel consiste em torná-lo novamente uma massa de celulose (matéria-prima do papel), através da água e demais produtos químicos. Em seguida a massa é refinada e pode ser utilizada para novos papéis.

Papéis que podem ser reutilizados – papéis de escrever, como sulfite, folhas de cadernos, também jornais, revistas, embalagens longa vida, papelão, entre outros.

Plástico

 O plástico é um material proveniente do petróleo, que é um recurso não renovável e muito importante para a humanidade. No processo de reciclagem o plástico é separado, revalorizado para transformação em matéria-prima e após transformado em um novo produto.

São basicamente três tipos de reciclagem do plástico: a mecânica, que é a mais comum, consiste na transformação do material em matéria-prima e posteriormente em um novo produto. Já a reciclagem química é um pouco diferente, aqui o plástico sofre alterações químicas para que volte a ser matéria-prima em sua totalidade. Podendo ser refeito em um novo produto de alta qualidade.

A reciclagem energética é a menos comum, porém também é possível nos plásticos. Ela consiste em transformar o material plástico em energia térmica e elétrica.

Os plásticos que podem ser reciclados são garrafas PET, sacolas plásticas, embalagens de xampus, cremes, tampas, recipientes plásticos, corpo de canetas, entre outros.

Metal

O metal é um dos materiais mais reciclados mundialmente. Por ser bem resistente pode passar várias vezes pelo processo de reciclagem sem perder suas propriedades. Esse material é extraído de minérios, então a reciclagem diminui os impactos da sua extração.

Os metais mais utilizados são o ferro, cobre, alumínio, aço, latão, entre outros. O processo de reciclagem consiste em separá-los e em seguida são prensados, triturados e derretidos. Logo estão prontos para serem reutilizados e moldados conforme a sua nova necessidade.

Vidro

O vidro é produzido a partir de areia, calcário, barrilha, alumina, corantes e descorantes. É um material que pode ser 100% reciclado, a fim de economizar energia no seu processo de fabricação e evitar o consumo de recursos naturais.

O processo de reciclagem consiste na separação do vidro, trituração e modelagem, o vidro é derretido para que seja possível sua remodelação. Para fabricação de novas garrafas de vidro, normalmente utiliza-se 60% de vidro reciclado e apenas 40% de nova matéria prima para a fabricação de um novo produto.

Muitos vidros podem ser reutilizados, desde garrafas de bebidas, potes e recipientes, frascos de medicamentos, entre outros.

Outros materiais são: Lâmpadas de mercúrio, pilhas e baterias, entulhos de construção e pneus. Esses materiais não devem ser descartados junto com o lixo comum. Devem ser entregues em pontos de coletas específicos para a destinação correta.

Portanto, devemos sempre considerar a reciclagem como uma opção de responsabilidade, maturidade e economia para nós e nosso planeta. Enquanto é possível que utilizemos os recursos naturais devemos estar conscientes que em um futuro muito próximo podem não existir.

Enquanto a poluição que parte do consumo também agride e afeta ao meio ambiente. Porém podemos reverter a situação e optar cada vez mais pela reciclagem. Prolongando a vida útil de objetos e tornando o planeta mais sustentável.